6 maneiras de combater a tristeza e o desânimo



A tristeza faz parte das seis emoções básicas que todas as pessoas têm. As outras emoções são: medo, felicidade, nojo, surpresa e raiva. A tristeza é caracterizada por baixa autoestima, solidão, culpa, cansaço, dor ou sofrimento.


Este sentimento pode ser uma resposta a um acontecimento desagradável, decepção, morte de um ente querido, separação, raiva de alguém, entre outros. Da mesma forma, também é possível sentir-se triste sem motivo. E é absolutamente normal que todo mundo tenha um sentimento melancólico em algum momento da vida.


Estudos mostram que a tristeza dura mais do que muitas outras emoções, visto que temos a tendência de passar mais tempo pensando nela. No entanto, pensar repetidamente ou revisar nossos pensamentos e sentimentos tristes pode causar depressão e impedir que você supere a tristeza.


A boa notícia é que há muitas coisas que você pode fazer para se ajudar em momentos difíceis. Neste post, você verá alguns deles!


Tristeza: o que é e suas causas


O famoso líder espiritual Dalai Lama criou recentemente o Atlas da Emoção, um site interativo projetado para ajudar as pessoas a compreender as cinco emoções universais e lidar melhor com seus sentimentos.


Por exemplo, você pode explorar os diferentes estágios do luto no site e entender que ele varia desde uma decepção menos intensa até uma dor mais forte. A tristeza, em diferentes níveis, é um estado de depressão, fadiga, solidão e culpa causada por alguns fatores externos ou internos.


A tristeza leve é ​​comum e de curta duração, aparecendo em diferentes momentos da vida. Geralmente pode ser desencadeada por eventos tristes, como desgosto, problemas financeiros, trauma, insatisfação profissional/pessoal ou algum outro conflito interno.


Não existem regras, todos podem reagir a eventos específicos de uma determinada maneira e podem sofrer uma tristeza mais ou menos intensa.


Como superar a tristeza?


Por mais que a tristeza faça parte do equilíbrio, não é saudável que dure muito tempo e se agrave. Para ajudar a sacudir a poeira e superar esse sentimento triste, listamos algumas dicas que têm como objetivo trabalhar a tristeza e superá-la no momento certo!


1. Exercite o autoconhecimento


O autoconhecimento é uma das ferramentas mais poderosas para combater a tristeza. Quando você se compreender melhor, terá um entendimento mais profundo das histórias e sentimentos de sua vida e começará a reconhecer e controlar melhor suas emoções.


Quanto mais experiência e comunicação, maior será sua autoconsciência. Isso não é importante apenas em momentos de tristeza, mas também em sua vida. Quanto mais conhecimento você tiver, maior será a probabilidade de você tomar as decisões certas e viver de uma maneira que seja boa para você!


2. Pratique meditação


A meditação é um exercício muito simples que pode ser feito em qualquer lugar. Você pode começar com 5 ou 10 minutos por dia e aumentar gradualmente.


Os benefícios são de longo prazo, por isso não vale a pena desistir depois de uma semana. Gradualmente, você perceberá como sua ansiedade e tristeza diminuem.


Durante a meditação, você se concentra no presente e na respiração e se dedica ao relaxamento. Uma dica é reservar um tempo para praticar pela manhã ou antes de ir para a cama.


3. Escreva um diário


Nem todo mundo sabe, mas escrever influencia diretamente a saúde física e mental. Um estudo publicado na revista Progress in Psychiatric Treatment, mostra que anotar seu humor e estresse pode ajudá-lo a superar esses incidentes com mais facilidade.


Além disso, ao escrever seus sentimentos no papel, seus pensamentos se tornarão mais claros. Uma técnica é escrever cartas. Se você brigar com seu namorado e ficar angustiada, escreva uma carta e conte a ele todos os seus sentimentos.


Se você não quiser, não precisa entregar, mas pode garantir que o fato de escrever sozinho pode ajudá-lo a se livrar de tudo.


4. Faça exercícios físicos


Além de todos os benefícios físicos, a prática regular de exercícios também tem impacto direto na saúde mental. Durante o exercício, você irá reduzir os níveis de estresse, liberar hormônios relacionados à felicidade, aumentar a autoconfiança e a motivação, diminuir a ansiedade, etc.


O mais importante é encontrar uma atividade que goste e que seja prazerosa. Teste até achar aquilo que te deixa feliz e te motiva!


5. Tente ver o lado bom das coisas


Quando a tristeza domina você, é mais fácil ver o lado negativo das coisas. No entanto, a negatividade pode ser prejudicial e fará com que você entre em um ciclo eterno, no qual apenas continuará a cultivar maus pensamentos.


O outro lado da moeda é que coisas ruins também podem ser boas. Embora possa não ser óbvio no início, deve haver uma maneira de aprender e desenvolver a gratidão a partir do que aconteceu.


A dica é viver o luto, principalmente porque nesse começo será mais difícil enxergar os ensinamentos. Contudo, assim que a dor mais aguda amenizar, comece a se questionar sobre as razões de ter passado pelo o que passou.


É bastante interessante fazer esse exercício e se dar conta de que tudo o que acontece em sua vida traz junto um aprendizado. Esse é o lado bom da tristeza, ela sempre proporciona algo maior que nos torna mais fortes.


6. Faça terapia


A terapia é muito interessante, pois estabelece uma conexão mais profunda consigo mesmo e desenvolve a capacidade de compreender melhor seus valores e objetivos.


Junto com profissionais bem treinados, os pacientes se entendem profundamente e passam a controlar melhor suas emoções. Autoconsciência, motivação, reconhecimento e controle emocional são alguns dos muitos benefícios.


Não são apenas as pessoas com uma determinada doença que procuram tratamento. De qualquer forma, você pode procurar profissionais, pois todos têm muito a se desenvolver.


Sites como o da Lapidando Mentes podem facilitar a busca por um psicólogo que atenda a requisitos específicos para atender a todos que precisem de acompanhamento. Se for o seu caso, entre em contato com um dos nossos profissionais através do site!


Além disso, se você quiser saber mais sobre como combater a tristeza, acesse nosso conteúdo no Youtube: https://www.youtube.com/watch?v=hbzaZ4H7BrM


7 visualizações0 comentário