6 passos para lidar com pessoas invejosas



A inveja é um sentimento que todos nós temos em algum momento de nossas vidas. É um desejo de possuir o que os outros pertencem e, como tal, caracteriza-se pela insatisfação diante da felicidade alheia.


Filmes, romances e livros retratam o ciúme por meio de personagens há anos. Alguns muito famosos são Iago, em "Otelo na selva de Veneza", de Shakespeare, e a bruxa em Branca de Neve.


O que muitas pessoas confundem é a diferença entre ciúme e inveja. Embora estejam relacionados e um possa desencadear o outro, é necessário entender como eles são diferentes. Ciúme é o medo de perder por causa do que você tem, enquanto a inveja é um sentimento de falta onde você se compara a outra pessoa e quer ter o que ela tem.


Para entender melhor, basta pensar no amor. O ciúme existe quando você tem um namorado e tem medo de perdê-lo ao vê-lo conversando com alguém em uma festa. A inveja, por outro lado, ocorre quando você não tem namorado e deseja ter o namorado de outra pessoa, por exemplo.


Por que sentimentos inveja?


Desde a infância estamos acostumados com a ideia que a inveja é um sentimento feio. No entanto, isso não nos impede de nos sentirmos assim às vezes. Por que isso acontece? Por que desejamos o que pertence aos outros?


Maslow foi um psicólogo americano que desenvolveu uma teoria chamada Pirâmide das Necessidades, que tem cinco níveis. Na base da pirâmide estão as necessidades básicas (fisiológicas e de segurança), seguidas pelas necessidades sociais de autoestima e autorrealização. O objetivo da pirâmide é identificar um conjunto de condições necessárias para que uma pessoa alcance a satisfação pessoal ou profissional.


Quando falamos sobre inveja e o relacionamos com a pirâmide de Maslow, rapidamente pensamos em como todos nesses níveis, desde o mais básico até os envolvidos em anos de trabalho, afetam nosso nível de inveja.


O outro tem uma bela casa grande, enquanto eu moro em um cubículo desconfortável. A minha necessidade fisiológica de conquistar algo que me proporcione mais conforto pode fazer com que eu sinta inveja do outro. Já em relação à autoestima, por exemplo, posso invejar aquele que é muito bem sucedido e aceito em círculos sociais dos quais eu gostaria de fazer parte.


Como lidar com a inveja?


Embora ninguém queira admitir, o primeiro passo para lidar com a inveja é aceitá-la. Claro que existem diferentes graus de inveja, e algumas pessoas até pecam por causa desse sentimento. Mas aquela inveja que não dói, que é passageira, pode ser diminuída antes de se tornar algo maior.


Após o período de aceitação, é hora de entender por que você está com inveja de alguém por causa de algo. Não é simples e requer um forte processo de autoconhecimento.


Finalmente, tente aceitar-se como tendo dificuldades, limitações e imperfeições. Concentre-se mais em si mesmo em vez de se comparar com os outros. Porque se você quer crescer e evoluir, as chances de chegar onde deseja é muito maior quando você se concentra.


DICA: Em muitos casos é aconselhável procurar a ajuda de um psicólogo durante todo o processo, principalmente se sentir que a inveja é uma percentagem elevada e está prejudicando a sua vida. Durante a terapia você poderá vivenciar um profundo processo de autoconhecimento que contribui bastante para essa descoberta.


E como lidar com pessoas invejosas?


E quando você precisar lidar com pessoas invejosas? O que fazer?


Em primeiro lugar, é necessário identificar esses indivíduos. Então, veja abaixo exemplos de atitudes comuns a quem é invejoso:

  • São competitivos e querem sempre estar à frente;

  • Não costumam fazer elogios aos outros;

  • Sentem prazer em criticar;

  • Subestimam conquistas dos outros e exaltam as suas;

  • Não demonstra felicidade com o sucesso alheio.

Por fim, confira algumas dicas para lidar com pessoas invejosas e fazem com que esse sentimento não afete a sua vida:


1. Converse


Que tal tentar conversar com alguém que tem inveja de você antes de tomar qualquer atitude? Por exemplo, se o ciúme é resultado de baixa autoestima, uma conversa alegre e sincera pode ser a solução. Quando ela perceber que sua atitude é prejudicial, talvez ela se sinta bem-vinda e reconsidere sua atitude!


No entanto, se a pessoa é realmente agressiva e age mal, desesperada para tirar o que você tem, então conversar pode não ser a melhor opção. Nessas situações, tente manter distância e evite interações pessoais.


2. Não fale sobre sua vida pessoal e profissional


Pessoas invejosas geralmente gostam de ouvir sobre a vida de outras pessoas apenas pela chance de provar sua superioridade. Elas são competitivas e não admitem estar atrás, então evite falar sobre suas realizações, aspirações e realizações.


Os invejosos, nesse sentido, celebram seus fracassos e dificuldades, então também não fale sobre seus fracassos, anseios e medos. Eles usarão isso para se elevar e fazer você se sentir mal.


No geral, evite conversas profundas sobre a sua vida e não permita que a pessoa invejosa tenha acesso aos seus planos e sonhos. Quanto menos ela souber, melhor.


3. Faça terapia


Em alguns casos, a inveja dos outros pode ser tão perturbadora que acaba trazendo energia negativa e um momento muito ruim para quem sofre com invejosos. Nesses casos, pode ser interessante fazer terapia para expor seus sentimentos e aprender a lidar de forma mais inteligente com pessoas ciumentas.


Se você ainda não faz terapia, que tal conhecer a Lapidando Mentes? Somos um Marketplace que conecta psicólogos com quem tem interesse no acompanhamento psicológico! Clique aqui e saiba mais https://shop.lapidandomentes.com.br/


4. Não mude quem você é


Pessoas invejosas são pessoas que precisam resolver problemas, não o objeto da inveja. Se em algum momento você se sentir culpado ou quiser mudar por causa disso, liberte-se e encontre outras maneiras de amenizar a situação.


Um comportamento muito comum de pessoas que sofrem de inveja é começar a repensar suas atitudes para amenizar a inveja alheia. Claro, isso não resolverá o problema e ainda trará muita frustração.


5. Mostre a pessoa invejosa que ela também possui qualidades


Se a causa raiz da inveja é complexo de inferioridade, e a pessoa invejosa não está lhe fazendo mal, portanto, tente elogiá-la. Ao destacar suas qualidades e valorizar seus pontos positivos, ela pode perceber que é tão especial quanto qualquer outra.


2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo