Quais são os benefícios do riso para a saúde física?



O riso fortalece as relações sociais e emocionais entre as pessoas. Casais que riem juntos muitas vezes podem ser mais estáveis. Os benefícios do riso vão desde melhorar as conexões humanas até melhorar significativamente a saúde.


Existem muitos mitos sobre os benefícios do riso para a saúde, mas também existem muitos estudos que os comprovam. Em qualquer caso, o riso é positivo. No entanto, a partir daí alegar que pode curar o câncer, como alguns já disseram, está muito longe.


Uma coisa é certa: qualquer experiência agradável pode ter um impacto positivo na saúde física. O equilíbrio emocional ajuda a construir um maior equilíbrio físico e vice-versa. Portanto, seria tolice negar os benefícios sociais do riso.


Os chineses e romanos usavam a coceira como método de tortura. Eles sabem que todo excesso, até mesmo o riso, é negativo. Por outro lado, a ciência descobriu que o riso saudável e frequente traz grandes benefícios. Falaremos sobre alguns deles a seguir.


4 benefícios do riso


Quando o bom humor e o riso são compartilhados, aproximam as pessoas, aumentam a intimidade e, claro, contribuem para um estado de bem-estar. Além disso, o riso estimula o sistema imunológico, aumenta a energia, reduz a dor, previne os efeitos do estresse e muito mais. Não por acaso, o riso ganhou um dia para comemorar: 18 de janeiro. O conselho é sorrir sem restrições.


1. Liberação de endorfina


A liberação de endorfinas é o maior benefício do riso. As endorfinas são chamadas de hormônios da felicidade porque produzem sentimentos de saúde física e mental.


As psicólogas da Universidade do Kansas, Tara Kraft e Sarah Pressman, publicaram um estudo sobre o assunto em 2012, na revista Psychological Science. Nele, elas demonstraram que o riso produz mudanças químicas no corpo, que produzem uma sensação de bem-estar que dura até 24 horas.


O riso também demonstrou levar ao aumento da produção de dopamina, outra substância que ajuda a melhorar o humor. Simultaneamente, inibe a produção de cortisol, uma substância conhecida como “hormônio do estresse”.


2. Fortalecimento do sistema cardiovascular


Outro benefício do riso é que ele fortalece o sistema cardiovascular, de acordo com um estudo realizado pelo professor Michael Miller, da Universidade de Maryland. Miller realizou um experimento com um grupo de 20 voluntários.

O grupo assistiu a um filme triste e depois assistiu a uma comédia. Após a peça, 70% dos participantes notaram uma diminuição no fluxo sanguíneo. Depois de assistir à comédia, esse fluxo sanguíneo aumentou em média 20% para todos os voluntários.


A melhor maneira de cuidar do seu sistema cardiovascular, diz Miller, é se exercitar pelo menos 30 minutos por semana e rir 15 minutos por dia.


3. Rir é um analgésico natural


Em 1976, um estudo foi publicado no New England Journal of Medicine. Seu autor foi Norman Cousins, que mais tarde escreveu um livro sobre o assunto. Neste estudo, Cousins ​​afirmou que tratou uma doença muito dolorosa (espondilite anquilosante) com episódios de "Câmera Oculta", vídeos dos Irmãos Marx e vitamina C.


Margaret Stuber, psiquiatra da Universidade da Califórnia, em Los Angeles, realizou alguns experimentos com crianças. Ela fez as crianças colocarem as mãos na água gelada. A partir disso, ela descobriu que, se as crianças estivessem assistindo a um vídeo engraçado, elas tolerariam melhor a experiência e se sentiriam menos estressadas.


A produção de grandes quantidades de endorfinas resulta em menos dor no corpo. Eles são considerados analgésicos naturais. Em suma, um dos benefícios do riso é basicamente demonstrado ser o aumento da tolerância à dor.


4. Auxilia no sistema imunológico


O sistema imunológico é um dos mais sensíveis às mudanças de humor. Da mesma forma, foi demonstrado que o bom humor aumenta as defesas do corpo. Portanto, acredita-se que o riso ajude a fortalecer o sistema imunológico e a prevenir infecções.


Diz-se que o riso ajuda na perda de peso, melhora a aparência da pele, fortalece o sistema respiratório, previne a insônia, aumenta a imaginação, melhora a memória e milhares de outras coisas. Embora isso tudo não esteja provado, é muito plausível que o riso contribua, em parte, para trazer bons resultados nessas áreas.


Os seres humanos desenvolvem a capacidade de rir logo após o nascimento. Infelizmente, à medida que crescemos, também perdemos gradualmente a capacidade de rir. Uma criança ri em média 300 vezes por dia, enquanto um adulto médio ri de 15 a 100 vezes. Podemos precisar voltar à infância de tempos em tempos para melhorar nossa saúde.


Terapia do riso


Mesmo quando "forçamos" (ou fingimos) rir, o cérebro libera substâncias químicas do bem-estar.


Isso porque o corpo e a mente estão intimamente ligados. Ou seja, nossas emoções e sentimentos respondem à linguagem corporal – assim como nosso comportamento físico muda em resposta aos nossos pensamentos.

Na prática, isso significa que você não precisa necessariamente estar feliz ou animado com a piada para se beneficiar do riso.


Existe até uma forma de yoga chamada Hasya Yoga (yoga da risada), que mistura exercícios respiratórios, alongamentos e técnicas vocais para simular o riso.


Ainda que, a princípio, as risadas sejam “falsas” (mas, enfatizamos, funcionais), elas não tardam a se tornar contagiantes — e verdadeiras. Nessas condições, os efeitos terapêuticos são ainda maiores!


Portanto, brinque com seus animais de estimação, interaja com crianças, assista a filmes de comédia, vídeos engraçados ou siga perfis de humor nas redes sociais. Saia com os amigos e pratique atividades interessantes e divertidas!


2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo